UMA APOSTA NO TURISMO COSTEIRO E MARITIMO, NAS REDES DE INVESTIGAÇÃO INTERNACIONAIS, NO TURISMO CINEMATOGRÁFICO E NA MONITORIZAÇÃO DA ATIVIDADE TURÍSTICA

As areas de actuacao do GITUR estruturam-se em torno de quatro eixos principais:
1) Turismo Costeiro e Marítimo
2) Internacionalização e divulgação científica
3) Monitorização da atividade turística, nacional e regional
4) Turismo e indústrias criativas


1. O TURISMO NO ÂMBITO DA ESTRATÉGIA NACIONAL PARA O MAR

O oceano e as zonas costeiras representam hoje, ao nivel mundial, uma grande oportunidade para novas atividades económicas que, face aos avanços tecnológicos recentes, começam a orientar o seu interesse e a sua ação para o mar, obrigando a novas formas de gestão e de defesa e salvaguarda ativa dos interesses nacionais.
Pela sua vocação marítima, historicamente demonstrada, e pela sua localização geográfica, Portugal é um dos países, a nivel mundial, com maior potencial de desenvolvimento no âmbito de uma economia do mar. A posição geoestratégica do espaço marítimo sob soberania ou jurisdição nacional encerra um conjunto de oportunidades de desenvolvimento económico que importa aproveitar. O turismo faz parte do conjunto de setores de atividade económica com mais capacidade para tirar partido deste novo contexto de desenvolvimento associado ao Oceano.

Tambem de acordo com a Estratégia Nacional para o Mar, há três pilares estratégicos que devem ser tidos em consideração, designadamente:
(1) o conhecimento;
(2) o planeamento e o ordenamento espaciais;
(3) a promoção e a defesa ativas dos interesses nacionais.
Naturalmente, o ensino superior e a investigação científica encontram-se no âmago desta estratégia.
A Escola Superior de Turismo e Tecnologia do Mar (ESTM), graças à sua localização privilegiada, junto ao Cabo Carvoeiro em Peniche, bem como ao seu perfil em termos de oferta formativa e domínios de investigação (com foco nos recursos marinhos e no turismo), pode e deve assumir um papel de grande relevo na implementação da Estratégia Nacional para o Mar.

Sendo a ESTM a maior escola de Turismo em Portugal (com mais de mil alunos em seis licenciaturas, três mestrados, e uma unidade de investigação com mais de cinquenta membros), é natural que assuma como seu desígnio estratégico assumir uma posição ativa e de liderança no domínio do Turismo Marítimo, tanto no plano da formação graduada como da investigação científica.

O GITUR, em associacao com o GIRM - Grupo de Investigação em Recursos Marinhos, também sediado na Escola Superior de Turismo e Tecnologia do Mar, reune um conjunto de condições únicas para se tornar, a breve prazo, numa referência nacional em termos de I&D associados ao Mar.
O Turismo do Mar (cruzeiros, náutica de recreio e marinas, atividades marítimo-turísticas e desportos náuticos) faz parte das prioridades do GITUR, e muitas das iniciativas que integram o Plano de Atividades do GITUR, de 2012, têm como objeto o Turismo Marítimo.

 
a) Projeto Finisterra

O projeto Land's Ends (Finisterra), que está a ser desenvolvido em cooperação com as universidades de Finmark (Noruega) e Santiago de Compostela (Espanha), visa desenvolver a oferta turística das zonas europeias da Costa Atlântica que, em comum, possuem cabos e promontórios, com um legado patrimonial de tradições e lendas.

Este projeto pretende tambem contribuir para a criação de uma nova centralidade económica nessas áreas, através da valorização turística do património cultural endógeno. Na rede europeia Land's Ends, Portugal assume um papel de especial relevo, uma vez que possui o maior número de áreas finisterra, designadamente, o Cabo Carvoeiro, o Cabo da Roca, o Cabo Espichel, o Cabo de São Vicente e Promontório de Sagres.

Com este projeto, o GITUR pretende realizar os seguintes objetivos:
- Avaliar o potencial de desenvolvimento turístico das zonas Finisterras de Portugal;
- Identificar as especificidades gastronómicas e o potencial das regiões Finisterra;
- Proceder ao levantamento dos recursos de património cultural das zonas Finisterra;
- Identificar os recursos naturais que podem constituir a base para um turismo sustentavel nas zonas Finisterra;
- Desenvolver estratégias para a preservação e exploração das atividades turísticas nas zonas Finisterra.


b) Fish Tour

Recentemente aprovado pelo PROMAR, através do Grupo de Ação Costeira do Oeste (GAC- Oeste), este projeto pretende valorizar as artes tradicionais de pesca enquanto recurso de atração turística.


c) Turismo Científico

O turismo científico tem dado os seus primeiros passos em Portugal associado ao programa Ciência Viva. Além disso, o Oceanário de Lisboa e muitos outros projetos realizados durante a EXPO 98 revelam que os recursos marinhos e a sua exploração científica podem tornar-se importantes atrativos turísticos. O GITUR, em associação com o GIRM e com empresas de mergulho da região do Oeste, propõe-se criar um modelo operacional para a criação de um centro de interpretação dos recursos marinhos, numa lógica de turismo científico.


d) Reserva da Biosfera

A atribuição do estatuto de Reserva da Biosfera da UNESCO ao Arquipélago da Berlenga evidencia o elevado valor do património natural do Arquipélago das Berlengas, mas constitui tambem o desafio da resolução de problemas de conservação e de desenvolvimento, assim como a existência de ações concretas e participadas para fazer face a tais constrangimentos. A definição e aplicação de critérios de desenvolvimento sustentável para a utilização turística da Berlenga, e respectiva monitorização futura, fazem parte de um projeto a desenvolver conjuntamente pelo GITUR e pelo GIRM.


e) Coastal heritage

Este projeto, que foi recentemente aprovado pelo PROMAR, através do Grupo de Ação Costeira do Oeste (GAC- Oeste), tem como objetivo estratégico potenciar a Lagoa de Óbidos como elemento gerador de novas oportunidades sustentáveis para a comunidade local. Pretende-se propiciar o desenvolvimento de atividades turísticas e a promoção dos produtos autóctones.


f) Impactos do surf

O concelho de Peniche promove-se actualmente como "Capital da Onda". Este estatuto está em grande medida associado ao Rip Curl Pro - etapa do Campeonato Mundial de Surf, que se realiza nas praias de Peniche. A ESTM e o GITUR colaboram na organização deste evento, realizando um estudo sobre o perfil dos participantes e a estimação do seu impacto económico no concelho de Peniche.

Outro evento anual realizado em Peniche e também ligado aos desportos de onda é o CUBS - Circuito Universitário de Bodyboard & SurfDecorre anualmente no mês de Maio, sendo organizado por docentes e alunos da ESTM. Este evento, que é homologado pela Federação Portuguesa de Surf, conta com a participação de representantes de cerca de 40 instituições de ensino superior.
O GITUR está a realizar um estudo sobre o perfil e as motivações dos praticantes nacionais de surf e bodyboard, tendo por base os participantes nesta competição.


g) Mergulho

O concelho de Peniche é um dos mais procurados a nível nacional para a prática de mergulho.
Em associação com as empresas que prestam serviços na área de mergulho, o GITUR vai desenvolver estudos que visam identificar o perfil dos praticantes de mergulho, de modo a perspectivar a plena integração deste nicho de consumidores no contexto mais amplo da procura turística local e regional.


h) Projeto "Tanto Mar"

A Camara Municipal de Peniche e o Forum Estudante, em parceria com a ESTM, realizam anualmente uma iniciativa de educação ambiental designada "Tanto Mar", dirigida a todos os jovens do país.
Durante uma semana, um grupo de 50 jovens, previamente selecionados de um conjunto mais vasto de candidatos, tem a oportunidade de passar uma semana em Peniche e realizar um programa de educação ambiental, que inclui diversos workshops, vista à Berlenga, experiências em laboratorio, etc.
O GITUR realiza a avaliação desta iniciativa de sensibilização ambiental, do ponto de vista da sua influência na formação pessoal dos jovens envolvidos.


i) Turismo de Cruzeiros

O Turismo de cruzeiros é claramente um dos principais produtos turísticos a nível mundial.
Na última década, Lisboa passou a fazer parte de muitos itinerários de cruzeiros. No entanto, são muito escassos os estudos em Portugal sobre Turismo de Cruzeiros. Em associação com a Global Sea, o GITUR está a desenvolver quatro projetos específicos relacionados com turismo de cruzeiros:
- Pós-graduação em Turismo de Cruzeiros
- Estudo do perfil dos turistas de cruzeiros, residentes em Portugal;
- Estudo sobre motivações, expectativas e satisfação dos clientes de cruzeiros;
- Odissea - Cruise & Tourism Film Festival 


j) Gastronomia do mar

Entre 2009 e 2010, o GITUR realizou o projeto "Gastronomia na Regiao do Oeste".
Sendo o Oeste uma região cuja gastronomia está muito associada aos produtos do mar (peixe, mariscos, moluscos e conservas), e possuindo uma tradição gastronómica muito rica e abundante, pretende-se dar continuidade ao referido estudo, evidenciando o papel dos recursos marinhos na gastronomia da região, e avaliando a sua centralidade enquanto atrativo turistico regional.



2. INTERNACIONALIZAÇÃO E DIVULGAÇÃO CIENTÍFICA

No plano internacional, o GITUR desenvolve diversas iniciativas de divulgação científica, cujo mérito e qualidade têm vindo a ser reconhecidos pela generalidade dos parceiros internacionais.
Apresentam-se em seguida as iniciativas inovadoras que colocam o GITUR entre as mais dinâmicas organizações científicas do turismo a nível mundial:


a) European Journal of Tourism, Hospitality and Recreation (EJTHR)

Esta revista científica de turismo foi lançada em Novembro de 2010, tem periodicidade quadrimestral, e assume-se como um projeto editorial com qualidade internacional (informacao detalhada sobre a revista EJTHR: www.ejthr.com).


b) International Tourism Congress (ITC)

A 5ª edicao deste congresso decorreu de 23 a 25 de Novembro de 2011. Nele participaram 102 conferencistas oriundos de vinte países. A grande adesão de conferencistas das mais prestigiadas universidades de todo o mundo, bem como a elevada qualidade das comunicações apresentadas (muitas delas posteriormente publicadas na revista European Journal of Tourism, Hospitality and Recreation) tem contribuido para posicionar este congresso entre os mais prestigiados a nivel internacional (informacao detalhada sobre o ITC: http://www.citurismo.ipleiria.pt/


c) EJTHR Conference on Destination Branding, Heritage and Authenticity

A Conferência Internacional sobre Marcas de Destino, Património e Autenticidade é promovida pela revista European Journal of Tourism, Hospitality and Recreation, do GITUR.
Será realizada de dois em dois anos, sempre em países europeus diferentes, e na 1ª edição tem como co-organizadores as seguintes entidades:
- GITUR, enquanto editor da revista EJTHR
- Universidade de Santiago de Compstela (anfitriã do evento)
- Universidade de Salento - Itália (futura  anfitriã da conferencia, em 2014).

A 1ª EJTHR Conference será realizada a 21 e 22 de Junho em Santiago de Compostela (Espanha).
Para mais informação: http://www.project.ejthr.com/.

d) International Conference on Cinema, Tourism and Place Branding (Cine-Tour-Brand)

Esta conferência é apoiada por fundos estruturais do QREN, no âmbito do Porgrama SIAC-Centro - Projeto OESTE ATIVO, e tem como objectivo apoiar o desenvolvimento do Turismo Cinematográfico na Região Oeste. Associada a esta iniciativa, o GITUR irá apoiar a criação da rede de investigacao internacional "Film Tourism & Destination Branding Research Research". Para mais informação sobre esta conferência, basta clicar: http://www.giturprojects.com/cinetourbrand/index.php.


e) International Conference on Tourism Recreation (ICTR)

Tambem apoiada por fundos estruturais do QREN, no ambito do SIAC-Centro - Projeto OESTE ATIVO (ver mais adiante), a conferencia internacional de animacao turistica e organizada pelo GITUR e pelo Curso Superior de Animacao Turistica da ESTM, e tem como objectivo a partilha de experiencias entre os distintos actores (academicos e empresariais) que intervem na animacao turistica, nas suas diversas areas de actuacao: cultural, desportiva e ambiental. A apresentacao de estudos de caso em animacao turistica e a partilha de experiencia em workshops sao os principais atractivos desta conferência. (Para mais informação, basta clicar: http://www.giturprojects.com/ictr/index.php)


f) International Conference on Cinema and Tourism (ICCT)

A conferência internacional sobre Cinema e Turismo decorre sob o lema "From Tourist Imaginary to Destination Branding", e organizada pelo GITUR e decorre anualmente em Barcelos, no âmbito do ART&TUR, V Festival Internacional de Filmes de Turismo. Nos dias 28 e 29 de Setembro de 2011 teve lugar a 2a edição, e contou com a participação de diversos conferencistas de Portugal e Espanha.
(Informação detalhada sobre a conferência ICCT: http://www.aptur.net/conferencia/index.php).



3. MONITORIZAÇÂO DA ATIVIDADE TURISTICA, NACIONAL E REGIONAL

No âmbito do primeiro eixo de intervenção, estao a ser desenvolvidos dois importantes projetos, designadamente:

a) Observatório do Turismo do Oeste (OTO)

Trata-se de um sistema de monitorização contínua da atividade turística da região Oeste, enquanto destino turístico. O EXPERT-TUR deverá ter periodicidade trimestral e incidir sobre questões gerais relacionadas com o desenvolvimento turístico da região. 
b) Observatório das Actividades Turística, de Hotelaria e de Restauração

Este observatório consistirá num sistema de monitorização da atividade da Hotelaria e da Restauração a nível nacional. Este Observatório deverá ser criado no âmbito de uma parceria entre o GITUR e a ARESP -  Associação de Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal.


4. TURISMO, CINEMA E INDÚSTRIAS CRIATIVAS

A emergência das Indústrias Criativas, que se alicerçam na propriedade intelectual e criatividade para gerar riqueza e emprego, e um dos mais representativos fenómenos da mudança da estrutura económica das regiões e dos países. As indústrias criativas associam o talento criativo a gestão de recursos económicos e tecnológicos, gerando produtos transacionáveis, cujo valor económico assenta nas suas propriedades "culturais" ou "intelectuais".

As industrias criativas estao entre os setores mais dinamicos do comercio mundial, apresentando uma estrutura de mercado flexivel, que integra desde artistas independentes e microempresas ate algumas das maiores multinacionais do mundo. No periodo 2000-2005, o comercio internacional de bens e servicos criativos cresceu a uma taxa sem precedentes: 8,7% ao ano, atingindo o valor de 424,4 mil milhoes de dolares, representando 3,4% do comercio mundial. Na Europa, as industrias criativas representam um volume de negocios de 654 mil milhoes de euros, correspondem a 2,6 % do PIB da Uniao Europeia, e estao a crescer 12,3% acima da media da economia, empregando 5,8 milhoes de pessoas. Em Portugal este sector contribuiu com 1,4 % do PIB em 2003 correspondendo a 6.358 milhoes de euros. Em 2004, as industrias criativas em Portugal empregavam 76 mil pessoas. Se a este sector associarmos o turismo cultural, o volume de emprego total atinge as 116 mil pessoas.

Os docentes da ESTM e os investigadores do GITUR estao a desenvolver projetos inovadores, no dominio das industrias criativas, que podem ser considerados pioneiros a nivel nacional. Apresentam-se seguidamente os varios projetos em desenvolvimento:


a) PPROJETO OESTE ATIVO

O Projeto OESTE ACTIVO assenta no desenvolvimento de uma metodologia inovadora, indutora do aumento da competitividade da Regiao Oeste, atraves da aplicacao de uma estrategia e de acoes que procuram posicionar estrategicamente a Regiao e o seu tecido empresarial a nivel nacional e internacional. Este projeto inclui duas componentes, sendo uma da responsabilidade da AIRO e outra da responsabilidade do GITUR. Apresentam-se em seguida as accoes a realizar pelo GITUR:


- Filmes Promocionais da Região Oeste

(Com base no levantamento do patrimonio endogeno do Oeste (ver acao especifica), serao criados guioes para a subsequente producao de filmes promocionais da regiao do Oeste, nos seguintes dominios: pesca, moinhos, monumentos, vinho, surf, golfe, artes e tradicoes. Cada filme sera editado em tres versoes, para diferentes utilizacoes: 20 minutos, 5 a 6 minutos, 2 minutos).


- Roteiro de localizações cinematográficas

Producao de conteudos multimedia para divulgacao da regiao Oeste como local de excelencia no dominio de acolhimento para producoes cinematograficas, televisivas e publicitarias. Implica a tipificacao das qualidades cenicas dos locais com vocacao para filmagens e sua apresentacao em fotografia, filme e diaporamas.


- Visitas a eventos internacionais

No ambito do projeto OESTE ATIVO, as visitas a eventos internacionais enquadram-se em dois designios: por um lado, conhecer as melhores praticas na organizacao de atividades analogas as acoes a implementar no decurso do presente projeto; por outros, estabelecer relacoes com futuros parceiros - networking.


- Manual de apoio a produção cinematográfica no Oeste

Trata-se de reunir, num unico documento/base de dados, toda a informacao util sobre entidades pertinentes para a producao cinematografica na regiao Oeste. Para isso, sera identificado e inventariado o conjunto de servicos e entidades que direta ou indiretamente possam intervir numa producao cinematografica.


- Levantamento do património endógeno do Oeste

(Sera realizado um levantamento do patrimonio para servir como suporte a marca Oeste Ativo e, simultaneamente, como ancoragem para a realizacao de filmes de ficcao, documentarios e videos promocionais da regiao Oeste. Serao inventariados e seleccionados quatros modalidades de patrimonio:
1) patrimonio material (monumentos, castelos, conventos, centros historicos, obras de arte, moinhos, artesanato);
2) patrimonio imaterial (festividades, tradicoes, lendas, historias, musica e danca);
3) "geo" e "bio" patrimonio (paisagens, geomorfologias, ilha das Berlengas, etc.);
4) vinhos e gastronomia regional.)


- Indústrias culturais em hospitalidade criativa

(O turismo experiencial e as emocoes geradas a partir das vivencias sao fontes geradora de atratividade dos destinos. A autenticidade, a cultura, os produtos e a inovacao sao fatores que podem favorecer essa atratividade. Assim, um territorio apoiado pela industria cultural torna-se destino com potencial de atratividade turistica reforcada. Estao programadas as seguintes accoes: workshop de cozinha, cursos de pintura em espacos de turismo rural, workshop design; narrativas urbanas em espacos de ruralidade singular; workshop de imagem e multimedia).

O projeto Oeste Ativo inclui ainda duas conferencias internacionais relacionadas com as industrias criativas e ja descritas anteriormente: International Conference on Film Tourism e International Conference on Tourism Recreation.


- Film Tourism & Destination Branding Research Network

O cinema ficcional, enquanto medium de massas, envolve emotivamente o publico, permitindo que este, ao seguir o enredo, crie novos codigos de leitura para locais conhecidos ou desconhecidos, a partir dos locais onde a acao cinematografica se desenrola. Compreender a importancia das potencialidades destas relacoes epistemicas do fenomeno cinematografico possibilita acrescentar mais-valias a interpretacao na escolha de destinos turisticos.

Os turistas sao cada vez menos apenas espectadores, eles sao consumidores de experiencias e pretendem vivencia-las diante de uma oferta especifica, baseada na comunicacao e na imaginacao. Aspectos como a inovacao e a criatividade sao cruciais para a criacao de sinergias entre o filme, o turista e o local.

Existe uma fortissima relacao entre o cinema, as industrias criativas e o turismo. A emergencia do chamado ¡§turismo cinematografico¡¨, e em especial os variadissimos casos de sucesso decorrentes de sinergias virtuosas entre cinema e turismo, chamam a atencao para novas formas de promocao turistica. O aparecimento de film commissions no universo de entidades de promocao turistica e cinematografica, procurando preencher o hiato entre estas duas industrias altamente profissionalizadas, mas que podem beneficiar de uma aproximacao reciproca, e um claro indicio das inumeras vantagens associadas a estas novas tendencias do desenvolvimento do turismo, em interaccao com o cinema e as demais industrias criativas.

No âmbito desta rede de investigação em turismo cinematográfico e marcas de destino serão realizadas as seguintes actividades:
- International Conference on Film Tourism;
- Edição de número especial da revista European Journal of Tourism, Hospitality and Recreation;
- projeto "Destination Brand Index" - nova metodologia de afericao do valor das marcas de destino.





IPL - Masters degrees
 
IPL - Masters degrees
Projeto OESTE ATIVO
 
Projeto OESTE ATIVO
   
Turismo de Portugal UNWTO PATA ETC - Corporate ATLAS EJTHR